Início > Uncategorized > Canada 1/2

Canada 1/2

05/12/2012

Olá pessoal ! estamos vivos  e estamos bem ! Após vários meses sem darmos notícias resolvemos escrever sobre esses últimos tempos … mas vamos fazê-lo em 2 etapas, sendo assim, esse vai ser um post para contar um pouco da viagem e os preparativos.

Nosso último mês foi praticamente todo de despedidas, tanto que chegou ao final e estávamos emocionalmente esgotados, tanto que passamos os últimos dias na casa da minha cunhada em Curitiba, lá conseguimos nos acalmar um pouco.

A Viagem

Embarcamos no dia 08/10 (segunda-feira) em Curitiba com a TAM até Guarulhos. Como nós nunca havíamos feito uma viagem internacional de avião, não sabíamos muito bem como seria o procedimento, lemos muito, mas na prática sempre é diferente. Por isso, resolvemos chegar três horas antes. hehe Embalamos duas malas (mais velhas) com aquele plástico no aeroporto e despachamos as malas.

Nos informaram que não precisávamos  retirar as malas em Guarulhos, apenas fazer check-in no guichê da Air Canadá. Chegamos em Guarulhos, primeira coisa, fomos procurar a Air Canadá que tinha uma fila quilométrica. Depois de alguns minutos, descobrimos que pra quem estava em trânsito, a fila era outra e bem menor. 🙂

Fizemos check-in, documentos, visto de residente permanente, passagens, tudo normal. Aliás … cabe aqui um elogio para a Air Canada, a atendente foi super atenciosa, conferiu toda nossa documentação e confirmou se sabíamos de todos os próximos passos.

Fomos trocar o restante do dinheiro entramos na área internacional. Ficamos lá, passeando, vendo os preços absurdos das lanchonetes ( coca lata custando 6 reais ) e 20:00 embarcamos. A viagem foi tranquila, apesar de não conseguirmos dormir por causa da ansiedade, chegamos em Toronto 5:30 da manhã.

Conforme havíamos lido em outros blogs, resolvemos primeiro ir na imigração e depois pegar as malas, as salas são próximas, o que facilita tudo. Na imigração correu tudo bem, havia uma tradutora, mas não foi necessário e não conseguimos descobrir se ela está sempre disponível. Após conferir a nossa papelada e preencher a Confirmação de Residência Permanente a agente nos deu os parabéns e bem vindos ao Canadá, nós quase começamos a chorar na frente dela, a sensação é indescritível.

Algo importante a observar nessa etapa é que acabamos não conferindo se os dados preenchidos haviam passado para a terceira via da Confirmação de Residência Permanente, e isso nos causou um incomodo mais tarde quando fomos fazer o Assurance Maladie, mas isso contamos no próximo post.

Depois da imigração, pegamos nossas malas, que chegaram todas inteiras em Toronto, colocamos em um carrinho e fomos para a área dos voos domésticos. Bom, nem preciso comentar que o aeroporto de Toronto é enorme e nosso tempo era curto. Foi fácil encontrar a parte doméstica, tudo é muito bem sinalizado. Despachamos as malas ( importante notar que somos nós que colocamos na esteira de despacho ) e entramos na área privada. No final, conseguimos chegar na hora e pegar nosso voo corretamente.

Chegamos em Montréal as 9 da manhã, o dia estava lindo, bem azul ! Pegamos nossas malas, e tivemos uma surpresa, duas já estavam todas “estrupiadas”, acho que se tivesse mais uma escala nossas coisas teriam ficado pelo caminho.

Nosso amigo chegou logo em seguida e fomos para a casa dele e descansamos!

Bom … a viagem em si é normal, realmente o aeroporto em Toronto é muito bem sinalizado, a única coisa que deve ser feita de diferente é que somos nós que tiramos da esteira internacional e colocamos na esteira doméstica. Ressalto esse fato pois a TAM me falou (mais de uma vez) que eu não precisaria fazer nada em Toronto, mas resolvemos confiar na Air Canada.

Vamos agora para alguns apontamentos que permearam essa primeira etapa :

Seguro Saúde

Contratamos o GTA por três meses, colocamos do dia 08/10 (dia que embarcamos) até dia 08/01 ( nosso Assurance Maladie começa dia 01/01 ).

Optamos por ele devido ao valor e pelas recomendações que recebemos.

Ainda não utilizamos ele e espero não precisarmos, mas é bom saber que temos essa segurança.

Malas

Esse é um ponto complicado, já que está ligado diretamente às preferências privadas de cada um. Mas de qualquer forma, vou colocar o que nós decidimos trazer.

Bom, na época, ouvimos opiniões das mais diversas, “ah, não leva isso, lá é muito barato, não vale a pena”. Ao final, se fossemos ouvir todos, não teríamos trazido nada, porque afinal, aqui realmente é mais barato, mas não é de graça !

Sabíamos que para montar uma casa do zero, custa muito caro, e não queríamos gastar dinheiro com coisas de menor qualidade e que possivelmente poderiam virar “provisório definitivo”, então resolvemos trazer nossas coisas do Brasil e comprar devagar o que realmente queríamos.

Trouxemos, roupa de cama, edredon, cobre-leito, toalhas (banho, rosto), panos de louça, travesseiro, toalhas de mesa, utensilios para cozinhar, panelas (apenas duas), potes, facas de cozinha e outras coisas.

Valeu a pena? Para nós sim, muito, não nós arrependemos. O primeiro mês é o mais complicado, você não tem nada de comida e materiais de limpeza, então, a primeira compra sai mais cara, no final, só compramos um jogo de jantar que custou 39 dólares e estamos nos virando com tudo que trouxemos.

Sugamos todos os nossos itens de roupas, isso nos deu um batia espaço e conseguimos fechar as 4 malas com quase 30 quilos cada uma. Claro que elas chegaram estouradas aqui, mas pelo menos nada ficou pelo caminho.

Trouxemos poucas roupas de verão e mais peças de inverno. Por enquanto só compramos um casaco pra mim de segunda mão que custou 19 dólares e Rosi está se virando com os casacos do Brasil, chegamos a pegar -11 graus e tá tudo certo.

Trouxemos também uma pequena farmácia, que incluía, antiflamatorios, remédio para alergia, dor de cabeça, gripe, estômago e anticoncepcionais. Pedimos para um médico fazer as receitas se caso no aeroporto nos solicitassem, no fim, nem pediram nada.

Apto provisório

Ainda no Brasil, decidimos que iríamos ficar nosso primeiro mês no Lincoln, devido ao preço, localização e pelas recomendações.

Um amigo nosso se informou e a princípio não precisaríamos fazer reserva, entretanto, quando chegamos a gerente disse que para 1 mês só seria possível alugarmos de 1 quarto ( queríamos um studio ). Por fim, acabamos gastando CAD 1100,00 , ao invés de CAD 890,00, ficamos putos mas tudo bem.

Sobre o apartamento, é “pé no chão”, simples mesmo, mas, pro primeiro mês dá pra se virar bem. Fica perto de supermercado, farmácias, mercadinhos e vários restaurantes. Fica a alguns minutos da estação Guy Concordia (linha verde) e tem várias linhas de ônibus.

Um dos problemas que tivemos já no primeiro final de semana é a experiência de um falso alarme de incêndio ( ainda bem que era falso ! ). Já havíamos nos falado que era comum acontecer, pois são muitos apartamentos e muitas vezes o pessoal queima a comida e dispara o alarme. Para terem uma idéia os bombeiros chegaram antes de nós na porta de entrada e ao final ainda pediram desculpas pelo incômodo !!!

A partir daí começamos a ver os documentos e a busca pelo meu emprego, mas isso fica pra ooooutro post, prometemos que vamos fazê-lo mais rápido.

um grande abraço

Mauricio S.

Anúncios
  1. Thaisa - Rio
    01/02/2013 às 09:59

    Acabo de descobrir o blog, adorei o post. Agora vou começar a ler os anteriores. Tudo de bom p/ vcs aí, muita força, foco e fé.

    Thaisa- Rio

  2. Mity
    16/01/2013 às 06:08

    Cadê a parte 2? Hein?

    • Rosilene
      21/01/2013 às 13:03

      Oi Michele, tudo bem contigo?! Estamos trabalhando na parte 2! Essa parte é a mais complicada, muita coisa aconteceu e tem vários detalhes (Suspense)… hehe
      Queremos caprichar porque acreditamos que tem muitos detalhes que poderá ajudar quem está vindo pra cá.
      Vamos tentar postar o qto antes!

      abs

  3. 06/12/2012 às 07:17

    Obrigada por compartilhar com agente essas informações, para nós que ainda estamos no Brasil é bem legal ler esses relatos da chegada rss

    • Rosilene
      21/01/2013 às 13:05

      Oi Clari e Lu! É bom saber que alguém lê o blog ainda…hehe
      Estamos um pouco enrolados com as tarefas diárias, mas logo postaremos algo novo!
      abs e obrigada por nos acompanhar!

  1. No trackbacks yet.
Comentários encerrados.
%d blogueiros gostam disto: